O Cavaleiro negro, também conhecido por Black Knight é um satélite artificial descoberto em 1927 de origem não terrestre pelo menos não reconhecido por nenhuma potência oficialmente… se não é terrestre e ninguém assume o ter construído… Então… o que é o satélite “Black Knight”? quanto tempo faz que está nos vigiando? É de origem extraterrestre?

Uma noite de final de verão de 1927, um grupo de radioamadores em Oslo, Noruega, entre eles um engenheiro chamado Jorgen Hals, começaram a receber uns estranhos sinais em seus equipamentos de áudio. Ao contrário das denunciadas por tesla e Marconi, estes sinais eram claramente de origem humana, pertencentes a uma emissão de rádio proveniente de endhoven na Holanda. O curioso desses sinais é que os ecos apareciam com vários segundos de atraso mas quase a mesma intensidade, um efeito que ainda não tem uma explicação clara pois ondas viajando tanto tempo através da terra voltariam com muita menor potência.

Até que nos anos 70 um amador da astronomia de nome Duncan Lunan, encontrou-se com o caso dos ecos de 1927 e começou a investigá-los. A sua conclusão é que os ecos estavam sendo transmitidos por um aparelho localizado no ponto l5 de lagrange. Lunan supôs que havia algo mais do que a simples retransmissão de uma onda de rádio e começou a procurar uma mensagem escondida. Ele descobriu que se os atrasos de sinais se desenhavam em um plano cartesiano de ecos em relação ao seu tempo de atraso se obtinha a imagem da constelação de boötes, mas não tal como a vemos agora, mas como se via há cerca de 13 Mil anos.

A conclusão de lunan é que uma civilização muito avançada enviou há milhares de anos um satélite artificial à nossa órbita para que ele se ativasse apenas estivéssemos na capacidade de receber e transmitir mensagens de rádio, é um conceito de comunicação interestelar conhecido como a sonda bracewells. Como é de se esperar, a comunidade científica pouco faz das conclusões de lunan.

Em Fevereiro de 1960, astrônomos de todo o mundo seguiam a trajetória do sputnik I, que já se encontrava em órbita, quando de repente detectaram um objeto que estava passando em frente ao sputnik fazendo-lhe sombra. O objeto tinha duas características que o faziam particularmente interessante, primeiro parecia levar uma órbita polar ao invés de seguir as linhas do Equador e até esse momento nem usa nem a União Soviética tinham satélites que fizessem esse tipo de trajetória, e segundo, o objeto era Tão grande que era impossível ele ter sido lançado desde a terra com os foguetes que havia na época.

O primeiro a tirar uma fotografia do objeto foi o Dr. Luis Currais do ministério das comunicações da Venezuela, quem fotografava o sputnik quando o objeto se atravessou mas por causa do seu precário sistema de fotografia o objeto não se conseguiu ver bem. Mas, em setembro do mesmo ano, a empresa de aviação grumman com sede em Long Island, NY conseguiu tirar uma fotografia melhor do objeto.

 

Em Fevereiro de 1960 os EUA, detectaram um objeto não identificado em órbita polar, uma proeza que nem eles nem a Urss tinha sido capaz de alcançar. Como se isso não bastasse, ao que parece era de um tamanho superior a qualquer coisa que um ou outro país tivesse conseguido fabricar na terra nessa época.

Três anos mais tarde, Gordon Cooper foi lançado para o espaço para uma missão de 22 voltas em órbita para a terra. Em sua órbita final, cooper declarou ter visto uma forma verde brilhante à frente da sua cápsula, que se dirigia fazia ele.

Diz-se que a estação de acompanhamento de muchea, na Austrália, a quem cooper relatou também isto, era também capaz de recolhê-lo no radar da viagem em uma órbita deste a oeste. Este evento foi relatado pela cadeia nbc, mas os jornalistas foram proibidos de perguntar ao cooper sobre o evento após a sua aterragem. A explicação oficial foi que uma falha elétrica na cápsula tinha causado altos níveis de dióxido de carbono, e produziram a cooper “alucinações induzidas”.

Eu não fui capaz de encontrar os relatos sobre este satélite em nenhuma fonte de notícias, mas tendo em conta as fotografias recentemente descobertas de imagens por satélite da Rússia e as histórias sobre objetos desconhecidos que os primeiros astronautas dos EUA. Eu torço para acreditar que este satélite existiu. No entanto, a questão é a sua origem:

Segundo alguns este satélite era um artefato muito antigo que permaneceu em órbita para controlar a nossa evolução e desenvolvimento, e pertencia aos nossos criadores, mas as evidências são insuficientes para determinar uma resposta a este mistério.

Mas são só especulações, o artefato existiu e talvez existe ainda.

A verdadeira pergunta é: foi um projeto secreto militar dos EUA. Um artefato anterior à nossa história, ou uma nave extraterrestre?

Se lhes restam dúvidas… este vídeo com fotos e imagens oficiais da Nasa lhes tirará toda a dúvida.

 

OS FATOS DO SATÉLITE BLACK KNIGHT – O QUE SABEMOS ATÉ AGORA

  • O descobridor de Plutão, Clyde Tombaugh, foi encarregado pelo Departamento de Defesa de localizar o objeto misterioso.
  • O satélite Black Knight tem transmitido sinais de rádio há mais de 50 anos, de acordo com agências de monitoramento em todo o mundo.
  • Os EUA e a União Soviética mostraram interesse particular neste objeto espacial desconhecido “misterioso”.
  • Rumores dizem que Nikola Tesla foi o primeiro homem a “interceptar” um sinal deste satélite sobrenatural em 1899, depois de construir um dispositivo de rádio de alta voltagem em Colorado Springs. Veja as invenções perdidas de Nikola
  • Tesla, onde ele falou sobre o seu “Tesla-scope” e escreveu um artigo intitulado ” Comunicação Interplanetária ” por. Nikola Tesla
  • Desde a década de 1930, em todo o mundo, astrônomos têm relatado estranhos sinais de rádio que supostamente poderiam ter vindo do “Cavaleiro Negro”.
  • O Dr. Luis Corralos, do Ministério das Comunicações da Venezuela, fotografou-o enquanto tirava fotos do Sputnik II ao passar por Caracas. Isso foi em 1957
  • A revista Time escreveu sobre isso em 7 de março de 1960.
  • A órbita do Cavaleiro Negro era diferente de qualquer outro objeto orbitando a Terra.
  • A Grumman Aircraft Corporation deu muita importância a esse misterioso “Satellite”. Em 3 de setembro de 1960, sete meses após o satélite ser detectado pela primeira vez pelo radar, uma câmera de rastreamento da fábrica de Grumman
  • Aircraft Corporation em Long Island tirou uma foto do Black Knight.
  • A Grumman Aircraft Corporation formou um comitê para estudar os dados recebidos das observações feitas, mas nada foi tornado público.
  • Foi o operador do radioamador que aparentemente decifrou uma série de sinais recebidos do satélite UFO e interpretou-o como um mapa de estrelas centrado no Epsilon Bootes Star System. De acordo com a mensagem decodificada, o Cavaleiro Negro originou-se do Sistema Epsilon Bootes Star há 13.000 anos.
  • Em 23 de agosto de 1954, a revista de tecnologia Aviation Week and Space Technology divulgou uma reportagem sobre o satélite Black Knight, que enfureceu o Pentágono, que estava tentando manter as informações em segredo.
  • A NASA divulgou imagens oficiais que aparentemente mostram o Black Knight Satellite!

Lembre-se de SEMPRE usar sua inteligência e intuição ao analisar qualquer informação! Diga-nós oque você pensa, deixe seu comentário!

0 comentários

Trackbacks/Pingbacks

  1. Cavaleiro Negro – O Satélite Alienígena | Gazeta da Galaxia – Wold ufologia - […] https://galaxia.news/cavaleiro-negro-o-satelite-alienigena/ […]

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *